sábado, 12 de novembro de 2011

GP de Abu Dhabi - Classificação - 18ª Etapa

As câmeras estavam focadas em Hamilton e Button na última parte do treino. Normal. Afinal eram eles que haviam dominado os treinos livres e Hamilton tinha feito os melhores tempos nas duas primeiras partes do treino classificatório. Vettel, o rei das poles, estava vagueando entre a terceira e a segunda posição. Apesar do tempo ainda próximo do que Hamilton já havia estabelecido. Curiosamente as apostas eram para um pole, e talvez, uma primeira fila toda cromada. No primeiro giro, Hamilton cravou o primeiro tempo seguido por Button e Vettel. A marca era boa e com Button na segunda posição, era um resultado dos sonhos. Na segunda tentativa, novamente o resultado se fez: Button cravou primeira posição que foi rapidamente tomada por Hamilton. Bang! Uma primeira fila que já estava a ser comemorada quando Vettel, na sua habitual volta canhão, acabou com festa dos ingleses e se colocou na primeira posição 0’’141 à frente de Hamilton. Sim, foi um balde de água gelada nas costas dos cromados tanto que Hamilton nem fez questão de tirar o capacete quando saiu do carro, tamanha a frustração.
Foi uma volta feita na raiva, afinal Vettel não tinha ficado em primeiro em nenhum dos treinos livres e muito menos e em nenhuma das duas primeiras partes do classificatório. Andou no limite e tirou o que pode do carro. Acredito que, pelo menos nestes treinos, seu carro estava em desvantagem para os Mclarens. Na corrida é outra história. Sebastian anda bem, muito bem, em Yas Marina: ganhou as duas provas realizadas até hoje por aquelas bandas e teve a oposição apenas da... Mclaren. Os cromados de Woking tiveram uma possibilidade em 2009 com Hamilton (quebrou) e no ano passado ficaram no encalço do então futuro campeão Vettel por toda a prova. Então, a princípio, podemos ver uma corrida disputada, ou não. Pelo histórico das duas últimas provas disputadas neste circuito, me faz optar pela última alternativa.
O que tem de se destacar nesta prova, é a marca de 14 poles na mesma temporada de Mansell que foi igualada por Vettel, que de quebra ainda empatou com Fangio no mesmo quesito (28 para cada); as duas Force India mais uma vez passaram para o Q3, num bom trabalho de Sutil e Di Resta. Outro destaque, mas negativo, e a última fila da Williams formada por Maldonado e Barrichello: Rubens teve problemas no Cosworth no terceiro treino e nem foi para o classificatório, enquanto que o Pastor treinou e fez apenas o 17º, mas por ter trocado o motor (o nono dele) perdeu dez posições.
Um marca, que apesar de não ter sido conquistada por falta de performance e sim por problemas de motor, é negativa para o grande time de Frank Williams.

GRID DE LARGADA PARA O GRANDE PRÊMIO DE ABU DHABI - 18ª ETAPA

1. Sebastian Vettel (Red Bull Renault): 1min38s481
2. Lewis Hamilton (McLaren Mercedes): 1min38s622
3. Jenson Button (McLaren Mercedes): 1min38s631
4. Mark Webber (Red Bull Renault): 1min38s858
5. Fernando Alonso (Ferrari): 1min39s058
6. Felipe Massa (Ferrari): 1min39s695
7. Nico Rosberg (Mercedes GP): 1min39s773
8. Michael Schumacher (MercedesGP): 1min40s662
9. Adrian Sutil (Force India Mercedes): 1min40s768
10. Paul di Resta (Force India Mercedes) - sem tempo no Q3
11. Sergio Perez (Sauber Ferrari): 1min40s874
12. Vitaly Petrov (Lotus Renault GP): 1min40s919
13. Sebastien Buemi (Toro Rosso Ferrari): 1min41s009
14. Bruno Senna (Lotus Renault GP): 1min41s079
15. Jaime Alguersuari (Toro Rosso Ferrari): 1min41s162
16. Kamui Kobayashi (Sauber Ferrari): 1min41s240
17. Heikki Kovalainen ( Team Lotus Renault): 1min42s979
18. Jarno Trulli (Team Lotus Renault): 1min43s884
19º - Timo Glock (ALE) Virgin-Cosworth - 1min44s515
20. Daniel Ricciardo (Hispania Cosworth): 1min44s641
21. Jerome d'Ambrosio (Virgin Cosworth): 1min44s699
22. Vitantonio Liuzzi (Hispania Cosworth): 1min45s159
23. Rubens Barrichello (Williams Cosworth): sem tempo
24. Pastor Maldonado (Williams Cosworth): sem tempo no Q3*

*Punido por troca de motor

3 comentários:

  1. À unica coisa bacana mesmo nesse circuito é que os caras que comandam a F-1 tem esse piloto, o Vettel..
    Esse cara é mesmo fantástico, fora de série..
    Descobrir alguns milésimos nesse esboço de pista é uma tarefa praticamente impossível e o cara vai lá e acha..
    Isso é piloto!!
    Lógicamente que Hamilton Weber Button etc..., são bons, mas são apenas regras!
    Estou pra comentar aqui algo que aconteceu ainda em 2008 com o Vettel e um amigo nosso, o Alexandre..
    Na quinta nos treinos do Safety um pouco antes do ínicio os pilotos tem o hábito de andar pela pista acompanhados de mecanicos e engenheiros...
    Pois bem, o Vettel estava nesse seu caminho e o Alenxandre foi pedir um autografo pra ele, falando num bom inglês!! A resposta do Vettel foi -Claro, é sim possível! pegou a caneta e a agenda perguntou o nome do nosso amigo e fez a dedicatória. Falando em ""portugues"" com o Alexandre o Vettel ainda agradeceu e continuou o seu caminho....Depois disso chegou a nossos ouvidos que o Vettel tinha algum parentesco com Brasileiros e por isso conseguia se expressar bem no nosso idioma...E mais!! Sempre que ele entendia as perguntas de Brasileiros tentava responde-las em portugues!!
    Sabe porque??? O mais legal era a resposta dele quando perguntavam dele se esforçar em responder sempre em portugues para nós Brasileiros...
    """"...É APENAS POR RESPEITO A ESSAS PESSOAS TODAS QUE UM DIA PERDERAM O MAIOR ÍDOLO QUE A F-1 JÁ TEVE....""""""""
    Acreditem ou não!!! Essa é verdade mesmo!!
    Logo após o seu Bi legítimo nesse ano, ele simplesmente disse em resposta a um reporter (deesa vez não Brasileiro) que ele ainda não se sente como um ídolo, e que ainda é fã de Senna, Schumi, Rossi...
    Ele se diz apenas um aprendiz..
    Já pensou quando ele estiver pronto pra ensinar???
    É isso! Boas provas amanhã pra todo mundo, e que na F-1 o melhor ganhe...
    Valeu....

    GP to

    ResponderExcluir
  2. Ele é gente boa GPto.
    Em 2007 trabalhei no PSDP e vi, no sábado, após o treino classificatório, ele ajudando os mecânicos a empurrar o seu Toro Rosso de volta para o box. Um dos mecânicos deu um tapinha nas costas dele e deve ter dito "vai para os boxes, volte para lá" e ele abriu um sorriso, falou algo e continou a empurrar seu carro de volta para o box.
    Talvez ninguém acredite, mas eu vi e é uma cena que vou guardar na memória.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. É, é assim mesmo!!!
    Se quem viu o treino 2 não oficial, reparar bem logo pós a batida dele , observando os outros carros e o seu próprio já num lugar seguro.. É nídito vendo um fiscal de pista conversando com ele e ele repondendo numa boa e tranquilamente, tava até que bom o possível papo!! Logo a seguir vem alguem pra leva-lo novamente para os boxes e ele faz uma espécie de reverencia como quem diz obrigado e foi embora...
    Até....
    GP to

    ResponderExcluir