sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Feios

Quando vi o carro que a Ferrari usará nesta temporada de 2012, logo citei no Twitter que este era o carro mais feio que a equipe fez desde o F310 de 1996, projetado por John Barnard. 
Aquele carro, ao contrário deste, era bonito: bico baixo e linhas agressivas, algo que os F1 naquela ocasião já estavam abandonando e adotando, em sua maioria, os bicos altos chamados de "Tubarão". 
Mas aquele carro, que chegou a ganhar uma corrida pelas mãos de Michael Schumacher na sua magistral atuação em Barcelona, mudou o bico no GP do Canadá: o elegante bico baixo, deu lugar à bico alto e feio pra danar que logo foi apelidado de "Pelicano". 
O carro teve até uma melhora de performance e Schumi venceu mais outros dois GPs (Bélgica e Itália) e subiu ao pódio em Portugal e Japão. Este carro ainda serviu de base para o seu irmão F310B, que quase venceu o mundial de 1997.
A princípio, com as declarações otimistas de Alonso, Massa e Montezemolo que acreditam que este carro seja vencedor, a única coisa certa é a sua feiura. 
Mas que seja bom mesmo, pois se for feio e perdedor, será grande a chacota do ano.

Em primeiro plano, o belo F310 com o bico baixo e depois o mesmo, mas pavoroso, em ação durante o GP da Alemanha de 1996: venceu três GPs.

4 comentários:

  1. Só discordo em um ponto Paulo... o F310b não era feio não, eu gostava!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O F310B, de 1997, era bonito.
      Mas o carro em questão neste post é o seu antecessor, o F310, que tem o bico de "Pelicano". Este sim era feio.

      Abraços!

      Excluir
  2. Os carros antes eram mais bonitos. A Ferrari F2012 é feia, mas se ganhar... o pessoal nem vai ligar para isso.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Realmente os carro para 2012 estão feios.
    Mas...tudo pela aerodinâmica.

    ResponderExcluir