domingo, 6 de janeiro de 2013

Crash: Salt Whalter, Indy 500 1973

É um vídeo que a maioria já deve ter visto, que é o do acidente de Salt Whalter na largada para as 500 Milhas de Indianápolis de 1973. Whalter acabou tocando rodas com outro carro e foi lançado contra o alambrando, onde o veio a bater enquanto dopiava no ar. O combustível foi jogado contra algumas pessoas que estavam próximas da cerca, causando queimaduras.
O carro de Salt caiu de ponta cabeça e continuou a rodopiar, enquanto era acertado por Mike Mosley (#98) e Lee Kunzman (#16). O carro de Salt parou no gramado da curva 1 e ele foi retirado ainda com vida, mas vários ferimentos.
Essa edição da Indy 500 foi uma das mais sangrentas da história: além desse acidente da largada, Art Pollard, veterano de Indianápolis, morreu durante os treinos e Swede Savage morreu dias depois do seu brutal acidente na parte interna da curva 4, onde seu carro acabou por desintegrar-se. Apesar do forte impacto e do incêndio, Savage faleceu no dia 2 de junho no hospital quando contraiu hepatite B durante uma transfusão de sangue. A outra morte foi de um integrante da equipe de Swede, Armando Teran, que foi atropelado por uma ambulância (!) dentro dos boxes, quando esta se deslocava rapidamente para o atendimento à Savage. A chuva também esteve presente nesta edição, tanto que a corrida só foi realizada, ainda que apenas 133 voltas foram realizadas, no dia 30 de maio (quarta-feira). A vitória foi de Gordon Johncock.
Quanto a Salt Whalter, este recuperou-se e conseguiu correr a Indy 500 de 74, 75, 76, 78 e 79. Em 1991 ele tentou uma vaga no grid pilotando um Penske Cosworth, mas falhou neste que foi a sua última aparição em Indianápolis. Teve uma vida muito atribulada devido a drogas e prisões.
Morreu em 27 de dezembro de 2012 aos 65 anos na cidade de Trotwood, em Ohio.

Um comentário:

  1. Acho incrível como a definição de imagem é boa apesar de ser quase 40 anos atrás. Dá até para ver os pés do piloto pra fora do carro. Bela panca e deu uma lavada na arquibancada

    Abraços

    ResponderExcluir