sábado, 20 de abril de 2013

GP do Bahrein - Classificação - 4ª Etapa

Foi a segunda pole de Rosberg na F1. A primeira foi na China, ano passado, quando venceu também o seu primeiro GP.
(Foto: REUTERS)
A exemplo de Lewis Hamilton conseguira na semana passada ao fazer a pole para o GP da China, Nico Rosberg também não deu chances aos concorrentes e cravou a segunda pole da Mercedes na temporada. A marca do alemão foi de 1'32''330 contra 1'32''584 de Sebastian Vettel, que superou Fernando Alonso no final do Q3. Mas o piloto espanhol talvez tivesse chances de conquistar até mesmo a pole, caso não errasse duas vezes na sua última tentativa. A desvantagem de Fernando para Nico foi de apenas 0''337 décimos e para Vettel de 0''083 centésimos. E os três sairão com os pneus médios para a prova.
A quarta colocação tinha sido feita por Hamilton, seguido por Webber. Mas com a punição de ambos -  Lewis perdeu cinco posições por ter trocado o câmbio e Mark foi punido com a perda de três devido ao acidente com Jean Eric Vergne durante o GP chinês - proporcionou a Massa pular de sexto para quarto no grid. A sua diferença para a marca alcançada por Nico chega a quase um segundo, mas isso tem explicação: o piloto optou pelo uso do pneu duro para a corrida. Na sequência aparecem os dois carros da Force India, com um ótimo trabalho feito por Paul Di Resta e Adrian Sutil; Mark Webber, Kimi Raikkonen, Lewis Hamilton e Jenson Button, fecham os dez primeiros. É de se destacar o trabalho de Button, que arrancou um lugar neste Top Ten no final do Q2 e mostra mais uma vez que a Mclaren tem um carro abaixo até mesmo da Force India neste momento.
Com relação a corrida de amanhã, é de se esperar uma briga intensa entre os três primeiros que estarão com os pneus médios, mas Felipe é o que aparece com boas condições de tentar algo por sair com os duros. Poderá retardar ao máximo a parada de box e pelo que os dois pilotos ferraristas declararam, a diferença entre os pneus médios e duros é muito pouca. Talvez isso seja uma verdade, tanto que Fernando Alonso fez a sua melhor marca (1'32''878) no Q1 com os pneus duros. Comparado ao que ele fez no Q3, o tempo foi 0''211 pior. Mas toda essa estratégia dependerá, também, de uma boa largada dele na corrida de amanhã.

Grid de Largada para o Grande Prêmio do Bahrein - 4ª Etapa

1 - Nico Rosberg (ALE/Mercedes) -  1m32s330
2 - Sebastian Vettel (ALE/RBR) - 1m32s584
3 - Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1m32s667
4 - Felipe Massa (BRA/Ferrari) - 1m33s207
5 - Paul di Resta (ESC/Force India) - 1m33s235
6 - Adrian Sutil (ALE/Force India) - 1m33s246
7 - Mark Webber (AUS/RBR)  - 1m33s078*
8 - Kimi Raikkonen (FIN/Lotus)  - 1m33s327
9 - Lewis Hamilton (ING/Mercedes)  - 1m32s762*
10 - Jenson Button (ING/McLaren) - sem tempo
11 - Romain Grosjean (FRA/Lotus) - 1m33s762
12 - Sergio Pérez (MEX/McLaren) - 1m33s914
13 - Daniel Ricciardo (AUS/STR) - 1m33s974
14 - Nico Hulkenberg (ALE/Sauber) -  1m33s976
15 - Valtteri Bottas (FIN/Williams) - 1m34s105
16 - Jean-Eric Vergne (FRA/STR) - 1m34s284
17 - Pastor Maldonado (VEN/Williams) - 1m34s425
18 - Charles Pic (FRA/Caterham) - 1m35s283
19 - Jules Bianchi (FRA/Marussia) - 1m36s178
20 - Giedo van der Garde (HOL/Caterham)  - 1m36s304
21 - Max Chilton (ING/Marussia)  - 1m36s476
22 - Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber)  - 1m34s730*
 
* Mark Webber perde 3 posições no grid por acidente com Jean-Eric Vergne (STR) no GP da China; Lewis Hamilton perde 5 posições no grid por trocar a caixa de marcha da Mercedes; Esteban Gutiérrez perde 5 posições no grid por acidente com Adrian Sutil (Force India) no GP da China.
 

Um comentário:

  1. Paulo

    A largada poderá definir a corrida por causa do equilíbrio. Quanto ao Felipe Massa a estratégia dele vai até a traseira do alonso...

    Valeu

    ResponderExcluir