terça-feira, 1 de julho de 2014

Foto 361: O duelo

Não tem como ficar indiferente a esta data, por mais que a maioria dos blogs relacionados ao automobilismo já tenha reproduzido inúmeras imagens sobre aquele 1º de julho de 1979 quando Gilles Villeneuve e René Arnoux se entregaram totalmente a uma batalha pela segunda posição do GP francês, que foi vencido pela Renault com Jean Pierre-Jabouille. O primeiro da Renault, de Jabouille e de um motor turbo. E para completar, um duelo espetacular pela segunda posição.
O melhor de tudo foi quando, após a festa pela vitória, Gerard Larrousse, entçao chefe de equipe da Renault, chamou Arnoux e os demais integrantes da equipe francesa para que pudessem assistir um video tape das duas últimas voltas daquele GP. A reação de René a cada batida de rodas, ultrapassagens que ele e Villeneuve protagonizaram horas atrás o deixava de olhos arregalados e totalmente hipnotizado. O despertar de René se deu após ele rever o erro que fizera ao deixar a "porta aberta" para que Gilles mergulhasse por dentro exatamente na última volta.
Apesar dos pedidos de desculpa de Arnoux para todos que estavam ali, devido o erro que custou a equipe a dobradinha, Larrousse simplesmente puxou uma salva de palmas para o sensacional duelo que o seu piloto e Gilles proporcionara a todos naquele dia.
E o melhor de tudo é que, 35 anos depois, as palmas ainda continuam a cada vez que assistimos a essa disputa.  

Um comentário:

  1. Convém salientar que nessa época as ultrapassagens eram muito mais perigosas devido a largura das bitolas, rodas e pneus! Andar no vácuo numa ultrapassagem já requeria uma grande habilidade pois o carro da frente te "puxa", o engenho parece ter uma cavalaria escondida, além do normal! As frenagens precisam ser mais fortemente utilizadas para se evitarem colisões. Isso tudo numa simples ultrapassagem! Mas, esses dois pilotos de altíssimo nível, confiando num fair-play fantástico, proporcionaram aos aficionados do automobilismo, duas voltas de se tirar o fôlego! Essa disputa entre Gilles Villeneuve e René Arnoux ficou mais conhecida e reverenciada do que o próprio vencedor, Jean Pierre Jabouille! Pilotagem de altíssima "finesse", na ponta dos dedos!

    ResponderExcluir