terça-feira, 8 de julho de 2014

Foto 363: Dallas, 1984

40° graus ambiente, 66° graus na pista. Calor absurdo que fez boa parte dos pilotos perderem a concentração e, combinado com o asfalto esfarelando em alguns pontos devido a prova dos Can-Am e a temperatura elevadíssima, os erros eram fatais. Treze pilotos ficaram de fora.
Keke Rosberg, de cuca fresca, venceu e Nigel Mansell, tentando chegar ao final, empurrou o seu Lotus até desmaiar quando tentava garantir o sexto lugar após seu carro apresentar problemas de câmbio.
Foi a única visita da F1 naquele local.

Um comentário:

  1. Paulo,

    me lembro dessa prova... ver o Mansell empurrando o Lotus e depois desmaiando foi angustiante...

    abs...

    ResponderExcluir