segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

F1 Pré-Temporada: Jerez, Dia 2

E pelo segundo dia consecutivo, Sebastian Vettel foi quem ditou o ritmo nos testes em Jerez ao cravar a marca de 1'20''984 sendo quase dois segundos melhor que a marca que alcançara ontem. Mas desta vez o alemão dominou o dia todo, diferente de ontem quando assumiu a dianteira da tabela na parte da tarde desbancando Nico Rosberg.
Repetindo o domingo vimos uma Sauber veloz, agora nas mãos de Felipe Nasr que cravou o segundo tempo obtido na parte da tarde quando utilizava os macios. Valtteri Bottas ficou em terceiro, seguido por Lewis Hamilton. Aliás, a tônica neste momento para a Mercedes, bem diferente do que foi em 2014 neste altura, é acumular quilometragem. Os dois pilotos já somaram nestes dois dias 258 voltas, algo em torno de três GPs e apenas um problema de vazamento de água - hoje - é que foi o contratempo do time até aqui.
A Red Bull teve como piloto hoje Daniil Kvyat, mas o jovem russo pouco pôde fazer já que a asa dianteira estava danificada e mesmo assim ele foi para pista e completou 18 voltas. Isso sem contar que o carro foi montado de última hora.
Na Mclaren o calvário é praticamente idêntico ao da Red Bull ano passado e Jenson Button, à exemplo de Alonso, deu apenas seis voltas no circuito e recolheu o carro com problemas no motor Honda. Até acertar essa unidade, os dias da Mclaren tenderão a ser assim.
A Lotus conseguiu montar o seu E23 Hybrid e levou-o à pista com Maldonado, que teve um problema e ficou parado na pista, ocasionando a única bandeira vermelha do dia. Voltou mais tarde e completou 41 voltas, com a melhor marca ficando em 1'25''802.
Sebastian Vettel:  "Nós conseguimos completar muitas voltas hoje. De modo geral, podemos dizer que estamos felizes. Espero que amanhã e depois Kimi encontre a mesma confiabilidade que eu tive até agora. Falando sobre a sensação dentro do carro, posso dizer que estou contente, temos uma boa plataforma para começar a trabalhar.É uma série de mudanças para mim, mas tudo para melhor. As pessoas aqui tornam as coisas mais fáceis para mim, me dão tudo que preciso, e isso é sempre bom.Geralmente, nós optamos por uma estratégia diferente da usada pela Mercedes. Eles estão focados em fazer trechos longos e extremos, às vezes. Hoje eles não fizeram tantas voltas como ontem, mas ainda assim são os favoritos.De onde viemos, nós estamos em mudança ainda, muitas coisas novas e coisas que estamos ainda aprendendo. A este respeito, a coisa mais importante é se manter na pista e entender os dados.Vamos agora focar no simulador de corrida, para tentar maximizar as melhorias, compreendê-las e analisá-las. A equipe toda ficará bastante ocupada"
Felipe Nasr: "Foi um dia ótimo. Eu pude completar muitas voltas e fiquei feliz com tudo que vi. Já estou me acostumando com os sistemas, os procedimentos e as características do carro. É definitivamente um grande começo para entender onde estamos.Foi importante me ambientar, mas depois de um dia longo, tanto no seco quanto no molhado, eu consegui me adaptar a todas as situações. Agora vamos trabalhar nos detalhes."

Valtteri Bottas: "Foi de novo um bom dia, de zero problema e a sensação com relação ao carro é muito boa.Fizemos alguns testes aerodinâmicos pela manhã, porque estava muito mais frio e a pista não estava boa o suficiente para nenhum outro tipo de testes. Nós fizemos todos os testes aerodinâmicos que perdemos ontem hoje pela manhã, então conseguimos aprender mais e mais.Estamos progredindo, mas ainda temos um longo caminho pela frente. Eu estou realmente otimista porque o carro tem uma boa base.Não fomos porque tínhamos uma programação com os testes, e isso não se adequava com piso molhado. Na parte tarde, antes da chuva, completamos o nosso programa e avaliamos os diferentes acertos. A chuva veio atrapalhou, mas é a mesma coisa para todo mundo."

Lewis Hamilton: “É bom ver em apenas dois dias quanta quilometragem nós já temos. Foi um excelente começo, mas vamos continuar trabalhando duro para sermos ainda mais confiáveis.O W06 é a mesma coisa que o W05. Um pouquinho mais de downforce, mas, de resto, é exatamente a mesma coisa.Não vou dizer que foi um dia divertido. Nunca é. Essa época não é exatamente a que o piloto mais gosta. O piloto gosta de correr. Mas sabemos bem que isso aqui é vital e é assim que vamos nos preparar para a temporada.No mais, foi um dia satisfatório, deu para sentir quase tudo do que vamos trazer no carro. O balanço poderia ser um pouco melhor, mas essa parte nós só vamos trabalhar mais tarde. A prioridade segue sendo fazer quilometragem. Continuar acumulando volta atrás de volta”

Max Verstappen: "Na parte da manhã, nós tivemos algumas dificuldades em aquecer os freios, mas conseguimos resolver isso rapidamente. Depois disso, conseguimos um imprimir um ritmo forte, e isso me ajudou a compreender o carro. À tarde, choveu um pouco, mas foi útil para experimentar os pneus intermediários. É bom finalmente começar a trabalhar e estou feliz com esse meu primeiro dia de testes aqui em Jerez."

Pastor Maldonado: "Foi fantástico estar atrás do volante na primeira volta de um novo carro. Mesmo que ainda seja o primeiro dia, nós conseguimos muitas coisas hoje. Foi emocionante sentir o potencial do carro e não vejo a hora de voltar para a pista amanhã."
 Nós paramos as atividades mais cedo, mas começou a chover, então todos também voltaram aos boxes, quer dizer, não há um grande drama. De qualquer forma, o carro parece fantástico e sei temos enorme potencial para esta temporada."

Jenson Button: "Nós já esperávamos que os testes fossem ser complicados. Nós próximos dois dias provavelmente tudo não vai sair de vento em popa. As pessoas têm memória curta, mas no primeiro teste de 2014 também foi difícil para todo mundo. Então, não há agora grandes preocupações. Nós apenas esperamos resolver todos os nossos problemas.
 E posso dizer que, no fim do dia, me pareceu que conseguimos solucionar algumas falhas. Por isso, acho que amanhã será um pouco mais fácil. Seria bom também conseguir obter mais voltas com o motor e começar a conhecê-lo, para iniciar todo o processo de avaliação e desenvolvimento do carro.
 Esta é uma unidade de potência muito complicada, mas o pacote todo é inacreditável e não tivemos qualquer problema de temperatura. Isso é bastante positivo para nós. E representa um grande trabalho da Honda. Há uma atmosfera muito positiva na equipe. Aqui não é só a McLaren ou só a Honda, aqui é McLaren-Honda. Todos unidos."

Daniil Kvyat: “Eu tive de ser bem cuidadoso. Claro que tinham alguns pontos da pista em que eu não podia acelerar da maneira como eu gostaria. Nós não pudemos testar tudo, então foi bom, mas não tão bom quanto se tivéssemos a asa, claro.Pudemos ver que o motor funcionou bem, por exemplo. Mas ainda há algumas coisas que nós precisamos testar nos próximos dias.Não foi a coisa ideal, mas acidentes acontecem”

 Os resultados deste segundo dia em Jerez

PosPilotoCarroTempoDifVol
1Sebastian VettelFerrari1m20.984s-89
2Felipe NasrSauber/Ferrari1m21.867s0.883s88
3Valtteri BottasWilliams/Mercedes1m22.319s1.335s61
4Lewis HamiltonMercedes1m22.490s1.506s91
5Max VerstappenToro Rosso/Renault1m24.167s3.183s73
6Pastor MaldonadoLotus/Mercedes1m25.802s4.818s41
7Jenson ButtonMcLaren/Honda1m54.655s33.671s6
8Daniil KvyatRed Bull/Renault--18

Nenhum comentário:

Postar um comentário