segunda-feira, 9 de março de 2015

Foto 483: As provas de abertura dos mundiais de F1 - Parte 1

A intenção destas postagens era de mostrar as largadas das corridas de abertura da F1, desde o GP da Grã-Bretanha de 1950 até o GP da Austrália de 2014. Mas como é difícil encontrar fotos de largadas de todas essas corridas, acabei colocando apenas o do vencedor do GP e por isso lhes peço desculpas.
A Fórmula-1 visitou três países naquela sua primeira década de existência para realizar suas provas de abertura. Coube à Inglaterra sediar o primeiro GP da categoria em 1950 no antigo aeródromo de Silverstone, fato que não repetiria nunca mais em termos de abertura. A Suíça teve a sua vez em 51 e 52, em Bremgarten e a Argentina emendou o restante da década.
Juan Manuel Fangio foi quem mais venceu as provas de abertura daquela década, coincidentemente todas elas nos anos em que foi campeão (51, 54, 55, 56 e 57).
Na corrida de 1958, a vitória de Stirling Moss, pilotando o pequenino Cooper de motor traseiro, iniciou uma nova era para a categoria.

1950:  Giuseppe Farina – Alfa Romeo - Grande Prêmio da Grã-Bretanha


1951: Juan Manuel Fangio – Alfa Romeo  – Grande Prêmio da Suíça


1952: Piero Taruffi – Ferrari – Grande Prêmio da Suíça


1953: Alberto Ascari – Ferrari – Grande Prêmio da Argentina


1954: Juan Manuel Fangio – Maserati – Grande Prêmio da Argentina


1955: Juan Manuel Fangio – Mercedes - Grande Prêmio da Argentina


1956: Juan Manuel Fangio – Ferrari - Grande Prêmio da Argentina


1957: Juan Manuel Fangio – Maserati - Grande Prêmio da Argentina


1958: Stirling Moss – Cooper Climax - Grande Prêmio da Argentina



1959: Jack Brabham – Cooper Climax - Grande Prêmio de Mônaco

Nenhum comentário:

Postar um comentário