segunda-feira, 18 de maio de 2015

24 Horas de Le Mans em 83 fotos: 5ª Bentley

Sammy Davis e o Bentley #3 num dos estágios das 24 Horas de Le Mans de 1927
A segunda vitória da Bentley em Le Mans (a primeira remonta à 1924) foi uma das mais dramáticas, principalmente porque a prova parecia estar certa que iriam para os ingleses, mas após um acidente na Maison Blanche envolvendo cinco carros - dois deles da Bentley -, quase deu tudo a perder no restante da corrida de 1927.
O dois Bentley Sport 3 Litre #1 e #2 ficaram na Maison Blanche quando colidiram com os carros da Theo Schneider 25SP (#11 e #12) e mais o #29 da Ariés 8-10CV na 26ª volta, deixando a curva praticamente intransitável. Mesmo assim, o #3 da Bentley, que estava a completar a trinca da fábrica britânica, safou-se milagrosamente ao passar pelo local tentando desviar dos carros como podia. Apesar do heróico esforço o Bentley sofreu sérias avarias na parte direita, amassando pára-lamas e perdendo o farol. Alguns reparos foram feitos, mas no decorrer da prova os problemas aumentariam de forma dramática: apareceu uma rachadura no chassi e a direção estava totalmente torta. Isso influiu claramente no desempenho do carro, que logo perdeu a primeira colocação para a equipe francesa da Ariés com seu carro de #4. Este esteve muito perto de vencer a prova, pois possuía quatro voltas de vantagem sobre o Bentley #3 que continuava bravamente na disputa, mas naquela altura sem grandes chances de vitória.
Às 14:28 o carro da Ariés parou na Mulsanne com problemas no distribuidor. Enquanto que o sonho dos franceses iam para o espaço, os dos britânicos voltavam a florescer. Mesmo com todos os percalços encontrados desde o sábado, a Bentley, com a dupla Dr. John Dudley Benjafield/ Sammy Davis, conseguia a sua segunda vitória em Sarthe. Completaram as outras duas posições, os dois carros da Salsom.
A Bentley igualava, agora, a Lorraine Dietrich com duas vitórias nas 24 Horas de Le Mans.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário