terça-feira, 23 de julho de 2019

Volta Rápida, 10 Anos


E este espaço chegou aos dez anos. É uma marca importante para um blog que nos últimos anos tem passado mais tempo em regime de Safety Car do que com o pé cravado para continuar atualizando sempre as postagens. Mas nem sempre bate aquele ânimo de escrever um texto bacana ou até mesmo, quando a mente consegue formular um artigo interessante, não é fácil transferir para o papel o que foi idealizado. A pessoa que vai ler o texto precisa ser envolvida pelo que está lendo; abrir o apetite com um inicio saboroso e depois devorar o texto como se fosse um prato suculento de um restaurante. Assim precisam ser os textos, mas ultimamente não tenho tido essa "pegada” para entregar um trabalho bem feito. Então, se for para fazer qualquer porcaria, é melhor nem perder tempo na frente do computador ou tela de um celular. Isso tem me deixado afastado deste espaço, mas ainda consegui apresentar alguns textos sobre os GPs da Fórmula-1 e também sobre as 24 Horas de Le Mans, corrida tal que passei a acompanhar com mais atenção a partir de 2010. E isso tem trazido bons resultados para o Volta Rápida.
Mas o blog me trouxe boas oportunidades. Quando escrevi para a extinta Revista Speed, no biênio 2012/13, foi um ponto alto nessa vida de “blogueiro de automobilismo”. Quando este tipo de chance aparece, é sinal que o trabalho vem sendo bem feito e isso é gratificante. Porém, tentei navegar por outros mares dessa internet como gravar podcasts ou até mesmo vídeos, mas isso precisa de uma grande desenvoltura e isso é algo que não tenho mesmo. Sou melhor com as palavras escritas do que com as faladas. Mas foram pequenas tentativas que me fizeram chegar a essa conclusão e de todo modo, foi um aprendizado.
Aprender é que mais conseguimos neste meio. Sabemos um pouco sobre este mundo apaixonante e complexo do motorsport, mas estamos longe de saber tudo sobre esta modalidade. Sempre aparecerá novas coisas e também novidades sobre fatos que julgávamos saber de cabo a rabo. E é aí que está a graça do negócio: ir coletando os dados para podermos refazer nossas opiniões ou apenas fortalecer as que já proferimos. Este período tem sido bastante produtivo. Escrever também nos trás bons amigos, colegas que nos trás um bom feedback do que estamos fazendo. Criamos laços e isso fortalece a cada comentário positivo e até mesmo uma critica construtiva, que nos faz rever conceitos, opiniões e mudar a forma de abordar certos assuntos.
Desde 2010 que o Volta Rápida não está sozinho, quando criei a pagina do blog no Facebook; o perfil no twitter e depois de alguns anos, por volta de 2015 ou 2016, apareceu a pagina da Triple Crown que cuida das três corridas que encabeçam as jóia do automobilismo (Indy 500, 24 Horas de Le Mans e GP de Mônaco). Esta ultima tem um maior volume de postagens entre abril e junho, mas mesmo assim faz seu sucesso, enquanto que a página do Volta Rápida tem o trabalho feito durante todo o ano. E já esquecendo do perfil no instagram, onde coloco algumas fotos que já fiz no autódromo de Interlagos e também o resultado de algumas competições no stories do perfil.
Apesar de toda inatividade deste blog nos últimos anos, é sempre bom chegar a tais marcas e conseguir ficar uma década com este blog é um acontecimento e tanto. Só tenho mesmo que agradecer a todos que incentivaram desde o inicio. E apesar de ter pensando várias vezes em encerrar o blog, continuarei aqui mesmo que seja em marcha lenta. Afinal, tenho muito que aprender aqui.
Obrigado a todos e que venha mais outra década!

4 comentários: