quarta-feira, 3 de abril de 2013

Vídeo: Hunt e Sheene

Dois dos caras que mais souberam aproveitar da fama que o mundo dos motorsports pode lhes proporcionar. James Hunt e Barry Sheene aproveitaram tudo e mais um pouco naquele período da segunda metade dos anos 70, e mais famosa delas foi quando fizeram uma "festinha" com 33 aeromoças da Bristish Airways nas duas semanas que antecederam a prova de 1976 no Japão. Sem contar o álcool e a cocaína que foi consumidas durante este período.

*Sua preparação era pouco convencional, para dizer o mínimo. Ele havia passado as duas semanas anteriores à prova em uma farra de álcool, cannabis e cocaína com seu amigo Barry Sheene, que havia sido o campeão mundial de motovelocidade naquele ano.
[…]
No Japão seu playground era o Tokyo Hilton, onde cada aeromoça da British Airways era deixada na recepção para uma folga de 24 horas. Hunt fazia a abordagem no ato do checkin e as convidava para uma festa em sua suíte – elas sempre aceitavam.
Não era incomum que ele e Sheene fizessem sexo com todas aquelas mulheres, normalmente juntos.
[…]
Quando Hunt chegou ao aeroporto de Heathrow, 2.000 fãs estavam esperando para recebê-lo. Ele cambaleou bêbado pelos degraus do avião em direção aos braços de sua mãe, Sue, e sua bela e sofrida namorada Jane Birbeck.
Ela estava saindo com ele havia quase um ano, mas não fazia ideia de que ele havia dormido com 33 comissárias da British Airways e inúmeras fãs japonesas durante sua estada de duas semanas em Tóquio.

E abaixo fica o documentário apresentado pela Playboy em março de 2012, onde a história de Hunt e Sheene é contada.


*Extraído do livro Shunt: The Story of James Hunt

Nenhum comentário:

Postar um comentário