sábado, 14 de abril de 2012

Grande Prêmio da China - Classificação - 3ª Etapa

Rosberg, à caminho da sua primeira pole
FOTO: Getty Images/Brasil
Diferentemente do que vimos nos dois treinos classificatórios até aqui realizados, não tínhamos uma idéia precisa de quem seria o pole. Hamilton, que foi o pole-man nas duas últimas corridas, já estava fora de combate desde a sexta quando a Mclaren trocou o câmbio de seu carro e assim, conforme a regra, ele perderia 5 posições no grid. Mas mesmo assim ele esteve forte, e mostrou que poderia ter conquistado mais uma pole neste sábado. O difícil mesmo é saber se ele seria páreo para Nico Rosberg, que enfim, cravou a sua primeira pole depois de 110 GPs disputados. Rosberg fez uma bela marca logo no início do Q3, 1'35''121, colocando mais de meio segundo sobre Hamilton e Schumacher. E isso foi até o fim sem que ele fosse incomodado por nenhum deles. Com a punição de Hamilton, que sairá em sétimo, a Mercedes marca a sua primeira fila desde o GP da Holanda de 1955, quando Fangio e Moss fizeram 1-2 naquela classificação. A última pole foi pelas mãos de Fangio, em Monza, no mesmo ano.
Kamui Kobayashi fez um belo treino ao colocar a sua Sauber em terceiro, e terá a compania de Raikkonen que ficou com o quarto posto para a Lotus, mostrando que os dois anos que ficou de fora não lhe afetou em nada. E digo mais, o Rallye o ajudou bastante. Button ficou com quinta posição  e terá ao seu lado Webber, que foi o melhor das duas Red Bull. Vettel falhou na sua classificação e ficou de fora da última parte do treino, ao marcar apenas a 11ª posição. Pérez, Alonso e Grosjean fecharam em oitavo, nono e décimo. Massa chegou a ter alguma chance de passar ao Q3, mas ficou em 12º. Bruno andou próximo de Maldonado e largará em 14º, logo atrás do venezuelano. Com o bom ritmo que a Williams tem apresentado nas corridas e possível chance de chuva, pode dar ao time do velho Frank uma oportunidade de levar os dois carros à casa dos pontos. Mas isso acontecerá, claro, se nenhum dos dois errarem e se o motor Renault aguentar o tranco.
Para a corrida não acredito muito na Mercedes. O carro tem uma lto desgaste de pneus e isso limitará uma possível chance de um dos dois tentar uma vitória amanhã. Kobayashi pode fazer uma bela prova e não estranhem se ele pular para a ponta no início da corrida, uma vez que ele sempre faz belas largadas. Kimi também pode fazer bonito e dependendo da estratégia, e das nuances dessa corrida, quem sabe, pode subri ao pódio. Mas acredito mesmo é que uma das Mclarens vença amanhã. Button anda muito bem em Xangai, à exemplo de Hamilton, e isso credência o time de Woking a sair com uma vitória amanhã. Porém algo tem que ser dito: o ritmo de provas deles não é tão bom assim, e Webber pode entrar nessa disputa já que o carro da Red Bull, em corrida, tem tido um bom desempenho.
Agora é esperar pela madrugada.

GRID DE LARGADA PARA O GRANDE PRÊMIO DA CHINA - 3ª ETAPA

1: Nico Rosberg (ALE/Mercedes) - 1min35s121
2: Michael Schumacher (ALE/Mercedes) - 1min35s691
3: Kamui Kobayashi (JAP/Sauber) - 1min35s784 
4: Kimi Raikkonen (FIN/Lotus) - 1min35s898
5: Jenson Button (ING/McLaren) - 1min36s191
6: Mark Webber (AUS/Red Bull) - 1min36s290
7: Lewis Hamilton (ING/McLaren) - 1min35s626*
8: Sergio Perez (MEX/Sauber) - 1min36s524
9: Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1min36s622
10: Romain Grosjean (FRA/Lotus) - sem tempo
11: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) - 1min36s031
12: Felipe Massa (BRA/Ferrari) - 1min36s255
13: Pastor Maldonado (VEN/Williams) - 1min36s283
14: Bruno Senna (BRA/Williams) - 1min36s289
15: Paul Di Resta (ESC/Force India) - 1min36s317
16: Nico Hulkenberg (ALE/Force India) - 1min36s745
17: Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso) - 1min36s956
18: Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso) - 1min37s714
19: Heikki Kovalainen (FIN/Caterham) - 1min38s463
20: Vitaly Petrov (RUS/Caterham) - 1min38s677
21: Timo Glock (ALE/Marussia) - 1min39s282
22: Charles Pic (FRA/Marussia) - 1min39s717

*Marcou o segundo posto, mas perdeu cinco posições por troca de câmbio

Nenhum comentário:

Postar um comentário