sexta-feira, 10 de agosto de 2012

A F1, para salvar a Grécia

Imersa em um das maiores crises finaceiras da sua história, a Grécia parece que ainda tem alguma grana para queimar ao desejar uma prova de F1 nas ruas de Drapetsona, na cidade portuária do Pireu.
A idéia surgiu em 2011 e a pista seria projetada por um arquiteto residente em Atenas, cujo nome não foi dito. O traçado seria um misto de autódromo e vias urbanas, utilizando uma área de 210.000 metros quadrados e o perímetro seria de 3,23 Km com 25 curvas.
Konstantinos Cavaras, Ministro do Esporte da Grécia, apoia a idéia de uma corrida por lá: "A possibilidadede ter uma corrida de Fórmula Um em Drapetsona seria muito importante para o desenvolvimento de Pireu."
O Ministro da Cultura e Turismo, Kostas Tzavaras, foi na mesma toada de seu companheiro: "A principal prioridade deste governo é criar instrumentos de desenvolvimento. Neste momento crítico para o nosso país, todos os esforços que promove a Grécia e atrai interesse internacional é bem-vinda e merece o nosso apoio. A perspectiva de realizar corridas de Fórmula Um em Drapetsona aumenta as expectativas para atualizar o nosso produto turístico, através da promoção do histórico Porto de Pireu e a reforma de toda a região. Esse projeto criaria novos empregos e colocaria nosso país de novo no cenário internacional."
Uma simulação do que pode vir a ser o circuito de Drapetsona, já foi feita. O traçado até que é interessante:

Não é por nada, mas os Gregos poderiam pensar em algo melhor para tirar o país dessa draga que estão enfrentando. Uma corrida de F1 só traria dor de cabeça. O velho Bernie iria sugar o resto de dinheiro que eles possuem e talvez a corrida saíria de lá rapidamente, assim como foi as provas de Aida, no Japão, que abrigou no biênio 94-95 as provas do GP do Pacífico. Ecclestone ajudou o idealizador e fundador do circuito, o japonês Hajime Tanaka a queimar toda a grana nestes dois eventos e depois caiu fora, deixando a travada pista de Aida no limbo.
Pode até trazer alguns dividendos uma prova por aquelas bandas gregas, mas acho que deveriam pensar em outra solução para tentar reerguer o país.  

Fonte: PlanetF1.com

Um comentário: