sexta-feira, 3 de janeiro de 2020

Foto 813: Michael Schumacher - DTM 1991



Antes que o Kaiser se aventurasse na Fórmula-1, ele teve passagens na DTM sempre a serviço da Mercedes. Em 1990 teve a famigerada prova de Hockenheim, onde acabou acertando o azarado do Johnny Cecotto que estava na disputa do título daquele ano contra Hans Joachim Stuck, que acabou por venceu o campeonato. Mas em 1991, pouco antes de estrear na F1, Schumacher ainda teve outras duas oportunidades no DTM.
Tomando partido do Mercedes 190E EVO II da Zakspeed Racing, Schumacher esteve presente na sexta etapa do DTM disputado em Norisring. Na corrida de classificação, destinada para definição das posições restantes a partir do 17º colocado, Michael terminou na 3ª colocação. A prova foi vencida por Altrid Heger com o BMW M3 Sport EVO da equipe Linder M Team. Na corrida 1, Schumacher enfrentou alguns problemas e terminou apenas na 25ª posição com três voltas de desvantagem para o vencedor Kurt Thiim (que estava a bordo do Mercedes 190E EVO II da equipe AMG Motorenbau GmbH). A sorte de Michael na corrida dois foi ainda menor, ao abandonar a corrida na volta 18 por problemas no motor. A vitória nesta segunda corrida ficou para o Audi V8 Quattro de Hans Stuck (SMS Schmidt Motorsport). Apesar desses maus resultados nas corridas oficiais, tem que se registrar que Schumacher precisou correr com um lastro de 50kg, que era a regra da época para pilotos que estreassem com o campeonato em andamento.
No aeródromo de Diepholz, disputado em agosto, Schumacher voltou alinhar com o Mercedes da Zakspeed. A exemplo da prova em Norisring, ele participou da corrida de classificação onde terminou em quinto com vitória de Steve Soper (BMW M3 Sport EVO do Team Bigazzi). Na corrida 1, não teve melhor sorte ao abandonar com problemas no motor – como acontecera na corrida dois de Norisring. Stuck acabou por vencer essa primeira corrida. Michael terminou em 14º na corrida dois, ficando uma volta atrás do vencedor Steve Soper. Foi a sua última aparição no DTM e no final daquele mês de agosto ele estava pronto para fazer a sua estréia na Fórmula-1 pela equipe Jordan, ao substituir o encarcerado Bertrand Gachot. Bom, o resto da história todos conhecem bem...
Hoje o grande Michael Schumacher completa 51 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário