sábado, 28 de agosto de 2010

Na sorte, Webber é pole em Spa

A pista seca deu a Webber a chance que ele e a Red Bull precisavam em Spa: uma volta limpa, sem imprevistos para marcar a quinta pole do australiano na temporada e a 12ª dos touros vermelhos neste ano. Assim que marcou seu tempo de 1min45s778, a chuva desabou no circuito e quem vinha logo em seguida, como Hamilton, por exemplo, não pode roubar a pole de Mark. Mas não acho que ele possa sair vencedor desta prova. As condições climáticas para amanhã apontam chuva o dia todo e isso me leva a crer, como já havia comentado no twitter na última quinta quando soube da previsão para Spa, que Hamilton pode sair vencedor da prova de amanhã. Ele sai em segundo e como sempre é um ótimo largador, e assim é bem possível que ele já vire a La Source à frente de Mark.
Em terceiro aparece Kubica, que creditou a ótima performance desde de sexta ao duto frontal  do Renault. Mas seu talento também contou e muito para chegar a este posto. Vettel e Button aparecem em quarto e quinto, vendo de longe, o sucesso de seus companheiros de equipe. Mas o inglês pode fazer melhor que alemão nesta corrida. Massa conseguiu ficar na frente de Alonso, aproveitando um deslize dos muitos que o espanhol cometeu este ano, quando saiu e marcou seu tempo com a pista ainda seca e Fernando deixando para sair com o traçado já totalmente comprometido pela chuva, marcou apenas o décimo tempo. Para a sorte deles, Spa tem ótimos pontos de ultrapassagens.
Barrichello sai em sétimo no seu GP de número 300 e nisso, quem sabe, beliscar alguns pontos ou até mesmo, dependo da sorte, um pódio. Em oitavo sai Sutil com a bom carro da Force India que se comportou mais uma vez bem em Spa. Caso não fosse o tempo instável, poderia estar mais a frente no grid. Hulkenberg sai em nono num bom treino dos Williams.
Senna, que marcou o 20º tempo, ganhou duas posições de presente com as punições de Schumacher (que perdeu dez posições como punição ao incidente de hungaroring com Barrichello) e de Glock, que perdeu cinco posições por obstruir Yamamoto durante o classificatório. De repente o Yamamoto podia marcar a pole, vai saber... . Buemi também foi punido, pela mesma manobra, quando bloqueou Rosberg durante a Q2. O alemãozinho da Mercedes também perdeu cinco posições, mas por ter trocado o câmbio. E com a corrida com chuva, como deve ser amanhã, punições vão rolar à solta.

RESULTADO- GRID DE LARGADA PARA O GRANDE PRÊMIO DA BÉLGICA- 13ª ETAPA

Q1
1. Mark Webber (AUS/Red Bull Renault): 1min45s778
2. Lewis Hamilton (GBR/McLaren Mercedes): 1min45s863
3. Robert Kubica (POL/Renault): 1min46s100
4. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull Renault): 1min46s127
5. Jenson Button (GBR/McLaren Mercedes): 1min46s206
6. Felipe Massa (BRA/Ferrari): 1min46s314
7. Rubens Barrichello (BRA/Williams Cosworth): 1min46s602
8. Adrian Sutil (ALE/Force India Mercedes): 1min46s659
9. Nico Hulkenberg (ALE/Williams Cosworth): 1min47s053
10. Fernando Alonso (ESP/Ferrari): 1min47s441
Q2
11. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso Ferrari): 1mins48s267
12. Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India Mercedes): 1min48s680
13. Sebastien Buemi (Toro Rosso Ferrari): 1min49s209
14. Heikki Kovalainen (FIN/Lotus Cosworth): 1min50s980
15. Jarno Trulli (ITA/Lotus Cosworth): 2min01s491
16. Nico Rosberg (ALE/Mercedes GP): 1min47s885*
17. Kamui Kobayashi (JAP/Sauber Ferrari): 2min02s284
Q3
18. Bruno Senna (BRA/Hispania Cosworth): 2min03s612
19. Sakon Yamamoto (JAP/Hispania Cosworth): 2min03s941
20. Timo Glock (ALE/Virgin Cosworth): 1min52s049*
21. Michael Schumacher (ALE/Mercedes GP): 1min47s874**
22. Pedro de la Rosa (ESP/Sauber Ferrari): 2min05s294
23. Lucas di Grassi (BRA/Virgin Cosworth): 2min18s754
24. Vitaly Petrov (RUS/Renault): sem tempo

* Foi punido e perdeu cinco posições no grid
** Foi punido e perdeu dez posições no grid

Nenhum comentário:

Postar um comentário