terça-feira, 13 de abril de 2010

GP da China, 2006

Era a ocasião em que Michael Schumacher estava na caça de Fernando Alonso pela briga do mundial. Enquanto o espanhol caminhava para seu segundo mundial consecutivo, Schumi tentava chegar nele para levar a disputa mais adiante e na China, 16ª etapa e antepenúltima daquele mundial a disputa foi fantástica.
Alonso marcou a pole e Schumi saiu apenas em sexto e na segunda posição Fisichella formando a dobradinha da Renault. Um bom resultado de Fernando com Schumacher não completando a prova ou até mesmo chegando em sétimo ou oitavo, já o deixava com chances de conquistar o mundial em Suzuka. Para Michael era chegar à frente de Alonso e mais nada.
Com a prova iniciando com pista molhada e secando ao decorrer dela, as posições foram alterando e na parte final Schumi estava em segundo após deixar Fisico para trás. Alonso foi para os boxes e trocou seus pneus de chuva por liso e quando saiu para a pista, escorreu e Michael o passou feito por dentro. Fernando ainda teve que contar com a ajuda de seu companheiro Fisico, que abriu passagem pra ele garantir a segunda posição.
Com a vitória, Michael empatou o mundial com Alonso em 116 pontos e levou a decisão para as últimas duas corridas- Suzuka e Interlagos. Foi a última conquista de Michael na F1 antes de sua aposentadoria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário