segunda-feira, 14 de junho de 2010

Análise dos dez primeiros- GP do Canadá

Lewis Hamilton- Uma bela pole no sábado e uma corrida magnífica no domingo deram ao inglês uma vitória maiúscula, conseguida no braço e com grande duelos contra Vettel e Alonso, com quem teve que a companhia durante todo GP.Com a conquista assumiu a liderança do mundial de pilotos.


Jenson Button- Parecia uma prova apagada do inglês, mas como sempre poupou pneus e se aproveitou do erro de Alonso para subir à segunda posição na classificação já perto do fim da corrida. Tinha carro para tentar chegar em Hamilton, mas acabou desistindo. Está em segundo no mundial de pilotos.

Fernando Alonso- Grande corrida do espanhol, mas seus erros na tentativa de de ficar á frente das Mclarens lhe custaram, talvez, até mesmo a vitória. Fora isso mostrou uma boa evolução da Ferrari ao andar no encalço de Hamilton a corrida inteira. Pode ter uma boa jornada em Valência, próxima etapa.

Sebastian Vettel- Mais uma vez errou na classificação, mas com a perda de cinco posições de Webber no grid, saiu em segundo e duelou com Hamilton no início da prova. Depois da sua primeira roca de pneus ficou em quarto e não ameaçou mais ninguém na prova.


Mark Webber- A perda de cinco posições no grid pela troca do câmbio o prejudicou e talvez pudesse discutir a vitória com Lewis durante a corrida. Até tentou arriscando ficar na pista por mais de vinte voltas com pneus duros, na esperança que os demais fizessem uma terceira parada que não aconteceu. Ele fez seu segundo pit e voltou em quinto, onde terminou a prova.


Nico Rosberg- Prova tranquila do alemão. De bom mesmo foi se classificar mais uma vez na frente de Schumi com total tranquilidade.


Robert Kubica- Assim como Rosberg fez uma corrida tranquila e a única vez que teve trabalho, fora com Schumi, quando este saía dos boxes e brigaram forte pela sexta posição.


Sebastien Buemi- Helmut Marko, chefe de recrutamento de novos talentos da Red Bull, tinha cobrado bons resultados do suíço e ele não decepcionou: fez uma bela corrida e conseguiu grande ultrapassagem contra Schumi e melhor, não tomou tempo de Alguersuari de quem vinha levando uma surra a algumas provas.


Vitantonio Liuzzi- Largou em sexto, bateu rodas com Massa na largada, duelou com o brasileiro em outra fase da prova e teve uma briga de sair lascas com Shumi pela nona posição que acabou ganhando. Uma corrida e tanto do italiano que precisava de um bom resultado.


Adrian Sutil- Boas brigas no pelotão intermediário contra Buemi, Massa, Liuzzi e Schumi. Terminou em décimo após se aproveitar da ultrapassagem de Liuzzi em Schumacher.

Nenhum comentário:

Postar um comentário