sábado, 11 de setembro de 2010

Trinta provas depois, uma Ferrari na pole e pelas mãos de Fernando Alonso

Não era a minha aposta inicial, mas com sua volta impecável no início da Q3, com a marca de 1min21s962, Fernando cravou a sua primeira pole na Ferrari. Também foi a primeira da equipe em trinta provas (a última tinha sido com Massa, no GP do Brasil de 2008) além de ser a primeira em Monza desde 2004 quando Schumi saiu na frente.
O maior favorito a pole, Hamilton, marcou apenas o quinto tempo e ainda perdeu o quarto lugar no fim do treino para seu rival direto ao título Mark Webber. O australiano que teve problemas hidráulicos ontem e hoje pela manhã teve contratempos com o câmbio, passou o treino todo entre sexto e oitavo conservando os componentes problemáticos. No final conseguiu salvar um bela quarta posição. Mas na prova não acho que vá ter uma grande jornada. Talvez tenha que contar um pouco com a sorte. Já Hamilton errou em uma das suas melhores voltas e no fim não conseguiu melhora. Mas ainda aposto numa ótima prova dele amanhã.
Massa sai em terceiro. Fez boa classificação, aonde chegou a fazer o melhor tempo no Q2, mas no Q3 os pneus macios não rederam o esperado e assim ele perdeu chance de fazer a pole ou até mesmo ficar em segundo, formando a primeira fila totalmente vermelha.
Na frente saem dois que ainda sonham com o título. Alonso, como já disse fez uma ótima volta que não pode ser alcançado por ninguém e Button, que fez o melhor tempo no primeiro treino de sexta, voltou a ficar em evidência ao colocar seu Mclaren em segundo. De se destacar que ele usa o duto frontal e um pouco mais asa enquanto Hamilton não usou o duto e trabalhou com pouca asa. Foram desempenhos quase parecidos durante todos os pedaços do classificatório, mas no final o atual campeão conseguiu um bom resultado sobre seu conterrâneo e companheiro de equipe. Se vai dar certo durante a prova, dai é outra história. Vale lembrar também que Alonso não tem feito grandes largadas e isso pode dar a chance de Button pular na frente.
Barrichello sai em décimo, Di Grassi em 21º e Senna em 22º.


RESULTADO- GRID DE LARGADA PARA O GRANDE PRÊMIO DA ITÁLIA- 14ª ETAPA

1 - Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1m21s962
2 - Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) - 1m22s084
3 - Felipe Massa (BRA/Ferrari) - 1m22s293
4 - Mark Webber (AUS/RBR-Renault) - 1m22s433
5 - Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes) - 1m22s623
6 - Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) - 1m22s675
7 - Nico Rosberg (ALE/Mercedes) - 1m23s027
8 - Nico Hulkenberg (ALE/Williams-Cosworth) - 1m23s037
9 - Robert Kubica (POL/Renault) - 1m23s039
10 - Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth) - 1m23s328

Q2:
11 - Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) - 1m23s199
12 - Michael Schumacher (ALE/Mercedes) - 1m23s388
13 - Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) - 1m23s659
14 - Sebastien Buemi (SUI/STR-Ferrari) - 1m23s681
15 - Jaime Alguersuari (ESP/STR-Ferrari) - 1m23s919
16 - Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari) - 1m24s044

Q1
17 - Jarno Trulli (ITA/Lotus-Cosworth) - 1m25s540
18 - Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Cosworth) - 1m25s742
19 - Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India-Mercedes) - 1m25s774
20 - Vitaly Petrov (RUS/Renault) - 1m23s819 *
21 - Lucas di Grassi (BRA/VRT-Cosworth) - 1m25s974
22 - Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth) - 1m26s847
23 - Sakon Yamamoto (JAP/Hispania-Cosworth) - 1m27s020
24 - Timo Glock (ALE/VRT-Cosworth) - 1m25s934**

*Perdeu cinco posições por obstruir a passagem de Glock durante a Q1
** Perdeu cinco posições por troca de câmbio

Nenhum comentário:

Postar um comentário